Paraibuna: cães farejadores levantam suspeita de caça ilegal

Além das armas, doze aves da fauna silvestre, munições, armadilhas, apetrechos de caça, couro de lagarto e uma cabeça de veado foram apreendidos no local, na tarde do último domingo (11), no bairro Remedinho dos Prazeres.

Durante atendimento de uma denúncia de caça ilegal com emprego de arma de fogo, os policiais foram até o bairro e encontraram uma moradia com várias gaiolas expostas na varanda.

Ao fiscalizar as aves, todas sem autorização do órgão ambiental competente e uma ameaçada de extinção, a equipe observou a presença de cães farejadores, aparentando serem cães de aponte, que caçam primeiramente pelo faro e possuem os faros mais sensíveis entre os caninos e vistoriou a propriedade.

Três armas foram encontradas, duas de fogo e uma de pressão, além de munições, material para recarga de cartuchos, apetrechos de caça, partes de animais abatidos, teiú e veado e armadilhas.

A ocorrência foi apresentada no Plantão Policial da cidade. O homem vai responder por posse irregular de arma de fogo e foi liberado após pagar fiança de R$3.000 mil.

Pela Polícia Ambiental, ele foi multado em R$12.500 mil por manter as aves em cativeiro e ter em depósito, produto da fauna silvestre.

As aves, recém-capturas, foram devolvidas à natureza em local próprio na região. Fonte: agoravale.com.br